segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

sobre anjos

Dois anjinhos brincavam despreocupados dobre as nuvens. Um deles era muito bom, via-se nos olhos, e o outro era seu ídolo e melhor amigo. O primeiro anjinho confiava tudo ao segundo. Suas verdades, seus medos , seus sentimentos e seus segredos.
Apenas um segredo era mantido, aquele para qual o anjinho fora criado: Havia um baú, do qual o anjinho bom protegia o seu conteúdo. Era uma missão direta de Deus. E ninguém, em toda corte celestial tinha a chave para que aquele baú fosse aberto.
Só que o anjinho, que era o melhor amigo do anjinho bom, tinha também seus interesses e curiosidades. E acima de tudo tinha também suas fraquezas.
Por isso, assim sem que nós ficássemos sabendo o porquê, ele convenceu o anjinho que guardava o baú de lhe entregar a chave. E o outro, que confiava demais no amigo, lhe deu a chave em troca da promessa que o baú nunca seria aberto. E não julgue o anjinho por tal ingenuidade, pois afinal não se espera maldade de criaturas de Deus.
Numa noite, a promessa se tornou confusa demais para o anjinho que tinha a chave do baú do amigo. E ele, por maldade ou simplesmente por impulso (nós nunca saberemos), abriu o baú.
Então o céu tremeu e o anjinho que havia traído o amigo brilhou e tons de vermelho. E enquanto ele descobria maravilhado o conteúdo da caixa um trovão rasgou o céu e suas assas foram arrancadas e ele caiu.
E o anjinho que era bom, porem ingenuo, viu a cena com um pavor inesplicável. E como se cada pedacinho do seu coraçãozinho de anjo fosse arruinado, ele sentiu a frustração de confiar em quem não suportaria tal confiança. E ele chorou, arrependido pelo seu erro, decepcionado pela traição e no meio de tudo, pela perda do amigo.




Esse é um sonho que eu tive a muitos anos, quando eu ainda era uma criança e não sabia nada sobre anjos caídos, o que ainda me assusta. Agora ele me veio com outro sentido, por que alem do sentimento estranho que ele sempre me traz ele ficou na minha cabeça como uma espécie de metáfora, e eu não consegui mais sentir a raiva que eu sentia do anjinho traidor. Embora ainda me doa que esse tenha sido o desfecho do sonho.

Um comentário:

  1. um anjinho porco que eu achei nos meus cadernos de anotações :)

    ResponderExcluir